Santa Marcelina Cultura

MENU

NOTÍCIAS

Ampliando os horizontes da leitura

13 de setembro de 2012

20 polos contam com projeto de incentivo à palavra, leitura e escrita. Até junho de 2013 acontecerão 240 oficinas envolvendo 7.000 crianças e adolescentes.

Desde agosto o Programa conta com o Guri Pra Valer um projeto de incentivo à leitura e à escrita, que busca contribuir com a construção da autonomia e cidadania das crianças e adolescentes que estudam em 20 Polos do Guri. Em um ano, entre julho de 2012 e junho de 2013, serão 240 oficinas num total de 540 horas de atividades focadas no estímulo às várias formas do uso da palavra.

O projeto está dividido em dois ciclos de oficinas por polo, o primeiro denominado Círculos de Cultura, com atividades envolvendo contação de histórias, leitura e interpretação de textos e um espetáculo de teatro; e o segundo, a ser escolhido pelos alunos entre Jogos Teatrais, com a preparação, montagem e encenação de uma história criada pelo grupo; e Cine-Debate, com a montagem de um cinema, exibição e debate de um filme e a produção, pelo grupo, de um audiovisual. A Cia Malas Portam, que apresentou no lançamento oficial do projeto, no CEU Campo Limpo (4/9), o espetáculo Viajando com a mala treco é parceira na execução das oficinas.

História

O Guri Pra Valer surgiu no Polo Campo Limpo, em 2009, quando alunos e alunas desenvolveram, com o apoio da Biblioteca João do Rio, que fica no CEU, oficinas de leitura e escrita que resultaram na montagem de um espetáculo teatral e saraus, entre outras atividades.

No lançamento do projeto, a assistente social Aline Rocha, lembrou que a busca do conhecimento, a prática da leitura e a educação andam juntos com a alegria. “A união de todos em torno do Guri Pra Valer amplia a esperança e fortalece nossos alunos a reivindicarem seus direitos e a serem protagonistas de suas vidas”, comentou.

A aluna de canto Renata Silva Rosa, que vivenciou todas as atividades desde o início do projeto, lembrou que o principal resultado é a aproximação das pessoas, pois além da leitura o Polo já realizou um sarau em homenagem ao músico Herbert Viana e uma festa do pijama que mobilizou grande parte dos alunos e alunas. “Eu quero agradecer todos por trazer esse universo da leitura para nós”, comentou, em tom emocionado, lembrando da importância da equipe formada pela assistente social Aline, pela monitora Veronica Silva e pelo agente de polo Felipe Matias.

Para atender os 20 Polos, o Guri Pra Valer, conta com o patrocínio do Bank of America e Grupo Camargo Corrêa por meio do FUMCAD – Fundo Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente da prefeitura de São Paulo. Até junho de 2013 deve envolver 7.000 crianças e adolescentes e seus familiares.