Santa Marcelina Cultura

MENU

NOTÍCIAS

A inclusão no centro das atenções

29 de janeiro de 2009

Palestras sobre inclusão social abrem o segundo dia da Jornada de Capacitação

Talentos da RuaA manhã desta quarta-feira, 28, foi da inclusão social na Jornada de Capacitação do Guri Santa Marcelina. Os professores, monitores, agentes de apoio, assistentes sociais e estagiários do programa assistiram às palestras do Padre Júlio Lancelotti, ícone da luta pelos direitos humanos, e de Elyria Credidio, da Secretaria Nacional de Assistência Social.

O Padre Júlio Lancelotti apresentou em palavras e na prática o tema Inclusão: significados e formas e provocou ao iniciar a palestra: “Não confundam inclusão com domesticação. Inclusão é um processo que nunca acaba, é um processo histórico, político, amoroso que transforma e que pode trazer sofrimento e dor”. Júlio Lancelotti enfatizou a importância da música, da dança e da arte; para o padre, “a cultura é o sinal de resistência à exclusão”.

A palestra de Júlio Lancelotti foi somada a apresentação musical do Talentos da Rua (foto), grupo formado por pessoas em situação de rua e que revelam nas letras as suas experiências de vida.

Na sequencia, Elyria Credidio iniciou a sua palestra, intitulada Inclusão com foco no atendimento de crianças e adolescentes portadores de deficiência. A psicóloga falou sobre as dificuldades dos deficientes nas relações sociais, não pelas suas limitações, mas pelas barreiras impostas pela sociedade: “o (aspas)diferente(aspas) não encontra espaço nas sociedades fundamentadas”.

Para Elyria, a sociedade deve se preparar para acabar com o preconceito e assim receber os deficientes. “A realidade dessas crianças só vai melhorar quando nós mudarmos. Devemos eliminar os mecanismos de exclusão, valorizar a cultura, história e experiências anteriores dessas pessoas. Depende de cada um de nós”, finalizou.

A tarde foi destinada aos cursos para os professores, ministrados por alguns dos melhores profissionais de música do Brasil. Estes profissionais são os responsáveis pela construção dos métodos de ensino do Guri Santa Marcelina. Também durante a tarde, Marta Bruno, Coordenadora Social do programa, orientou a avaliação das práticas da área social em 2008.

Acompanhe o programa da Jornada de Capacitação do Guri Santa Marcelina.