Santa Marcelina Cultura

MENU

NOTÍCIAS

Bolsista da Orquestra Jovem do Estado é aprovado em Conservatório de Chicago

04 de julho de 2016

Daniel Soares Henrique, bolsista da Orquestra Jovem do Estado, foi aprovado para realizar mestrado em performance pela Chicago College of Performing Arts – Roosevelt University, nos Estados Unidos. Natural de Suzano, região metropolitana de São Paulo, Daniel teve aulas de violoncelo com a professora Marialbi Trisolio, entre 2006 e 2014, na EMESP Tom Jobim. Atualmente, é aluno de música de câmara com a professora Adriana Lombardi.

Daniel ingressou na EMESP Tom Jobim, com apenas dez anos, para o curso de prática de cordas coletivas com os professores Geraldo Olivieri e Marcio Rampin.  Depois, começou a ter aulas de violoncelo com a professora Marialbi Trisolio.

“A professora Marialbi sempre foi como uma mãe para mim, pois, além de exigir muito dos estudos, me orientou também em como me portar em várias situações, inclusive me motivando em momentos em que eu me sentia desmotivado. Sem dúvida, as aulas que tive com ela na EMESP, durante oito anos, foram essenciais para a minha formação como músico. Se teve um marco na minha vida, como violoncelista, devo tudo a ela”, revela o jovem.

Daniel foi ainda bolsista da Orquestra Jovem Tom Jobim entre 2010 e 2011. No ano seguinte, passou a integrar a Orquestra Jovem do Estado, onde permanece até hoje como violoncelista do grupo. “Tocar na Orquestra Jovem do Estado é maravilhoso. Uma experiência incrível, além de termos o Cláudio Cruz como maestro, que tem um conhecimento absurdo e que estuda muito”, conta.

“O Cláudio Cruz é um exemplo. Ele se portou conosco no concerto que fizemos em Berlim do mesmo modo como nos ensaios que fazemos para os concertos na Sala São Paulo: sempre exigente e justo com todos os bolsistas. Agradeço muito a atenção que ele, o Paulo Zuben e o Renato Bandel tiveram comigo, principalmente, nos tempos em que eu conciliava a rotina da orquestra com minha graduação. Sempre me incentivaram a estudar”, completa.

Em 2016, o jovem, de 21 anos, deu mais um passo em sua carreira musical. Conseguiu ser aprovado para realizar mestrado no Chicago College of Performing Arts – Roosevelt University. “Enviei para o conservatório um vídeo tocando o Concerto para Violoncelo de Édouard Lalo, além de dois movimentos da Suíte nº1 de Bach. Em seguida, me retornaram informando que fui aprovado. Fiquei extremamente feliz. Agora, estou correndo atrás de documentações e, em breve, iniciarei uma campanha para arrecadar fundos para me manter no país”, finaliza.

O curso de mestrado no Chicago College of Performing Arts começa em agosto de 2016 e tem duração de dois anos. Daniel terá aulas de performance em violoncelo com o professor Richard Hirschl. 

 

por Marcus Vinicius Magalhães