Santa Marcelina Cultura

MENU

Duo de Violoncelo e Violão: Explorações sobre o repertório camerístico brasileiro

No dia 10 de setembro, às 17h, o duo Ana Clara Guerra (violão) e Déverson Correia (violoncelo) apresentam o concerto ‘Explorações sobre o repertório camerístico brasileiro’. A parceria para apresentar o projeto foi contemplada pelo edital PIAC Estudantil, de estímulo e fomento à cultura da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

O duo formado por Ana Clara Guerra (violão) e Déverson Correia (violoncelo) realiza concertos de música de câmara focados no repertório brasileiro, seja tocando obras compostas especificamente para essa formação, ou arranjos próprios, com o intuito de disseminar o repertório nacional. O projeto ocorre por meio do edital PIAC Estudantil promovido pela Universidade Federal de Uberlândia, da qual ambos os músicos são alunos. Sendo assim, o projeto inclui uma série de concertos por cidades do estado de Minas Gerais, além de concertos em São Paulo e Rio de Janeiro.

Ana Clara Guerra é natural de Uberlândia e iniciou seus estudos em música aos 14 anos no Conservatório Estadual de Música Cora Pavan Capparelli, onde finalizou o Curso Técnico em Instrumento Musical – Violão, no ano de 2015, sob orientação da professora Heloisa Mirzeian. Em 2013, participou da gravação do DVD “Um cantinho, um violão interpretando Clube da Esquina”.

Em 2014 ingressou no Curso de Música da Universidade Federal de Uberlândia, onde estudou com os professores Sandra Alfonso, Maurício Orosco e atualmente André Campos. No mesmo ano, ganhou o prêmio de “Melhor Intérprete” com a banda Hardcordel no 4º Festival Universitário da Canção da UFU, com a música “Quiró, quiró”. Em 2015, compôs as músicas da peça de teatro “O Muiraquitã”, da Companhia de Arte e Direito Artimanha. Participou do III Gramado in Concert – Festival Internacional de Música na Classe de Violão e Camerata de Violões, em 2017. Realizou mobilidade acadêmica no Instituto Politécnico de Castelo Branco, Portugal, com bolsa do programa Santander Ibero-Americanas.

Em 2018, compôs a trilha sonora da animação “Moncarube” com estreia no Festival Entreartes do mesmo ano. Realizou master classes com os violonistas Eduardo Meirinhos, Daniel Wolff, Paulo Vinicius, Vinicius Linhares, Duo Siqueira Lima, Elodie Bouny, Fábio Bartoloni e Edson Lopes. Atualmente, tem se dedicado às atividades de composição, performance e educacionais, dando aulas de violão, especialmente.

Déverson Correia é natural de Osasco (SP), iniciou seus estudos no Conservatório de Tatuí em 2011, nessa instituição participou como bolsista da Orquestra Sinfônica do Conservatório e recebeu premiações de música de câmara com os grupos Música de Dois (Violoncelo e Piano) e quarteto de violoncelos YvyraPurahei. Atuou como músico da companhia teatral Atores em Conserva e participou de diversos festivais como o Festival Internacional de Campos do Jordão, Festival Internacional de Pelotas, Festival de Violoncelos de Ouro Branco e Porto Alegre, Festival de Trancoso e Violoncelada Peirópolis, onde participou de masterclasses com reconhecidos violoncelistas do cenário nacional e internacional da atualidade.

Em 2016 ingressou no Bacharelado em Violoncelo no Instituto de Artes da Universidade Federal de Uberlândia na classe do Professor Mestre Kayami Satomi, integra a orquestra de violoncelos UDI Cello Ensemble, um dos principais grupos camerístico do país. Em 2017 participou de turnês com o Trio de Música de Câmara Itinerante nos estados de Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro e ingressou na Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro e Academia Jovem Concertante do Rio de Janeiro. No ano de 2018 deu início em Uberlândia a um novo Trio de Música de Câmara com o pianista Thiago de Freitas e a flautista Quézia Damares, no cenário orquestral passou a integrar a Orquestra Jovem Alegro, em Curitiba, Paraná. Em 2019 foi um dos vencedores do concurso nacional Side by Side para estar junto a New World Symphony sob regência do maestro Michael Tilson Thomas em Miami, Flórida. Passou também a integrar o grupo de música dedicada ao repertório camerístico produzido nos séculos XX e XXI, o Cerrado Ensemble.

Data: 10/09/2019

Horário: 17:00

Local: Auditório Zequinha de Abreu – EMESP Tom Jobim

Largo General Osório, 147, Luz, São Paulo – SP

Entrada: Franca