Santa Marcelina Cultura

MENU

Coral Infantil e Coral de Familiares na Unibes

Sob regência das maestrinas convidadas Ana Yara Campos e Déborah Rossi, o Coral Infantil e o Coral de Familiares interpretam um repertório variado, com canções de música clássica e popular. O Coral Infantil apresenta canções de Brahms, Hekel Tavares e músicas da trilha sonora de Sítio do Pica-Pau Amarelo, além de uma suíte de canções baseadas em O Quebra-Nozes, de Tchaikovsky. Já o Coral de Familiares trabalha um programa com clássicos da MPB, de Milton Nascimento a Gonzaguinha, e canções que unem melodias do repertório com poemas de autores consagrados, como as dobradinhas de Villa-Lobos com Ferreira Gullar, Antonio Ribeiro com Cora Coralina, e José Vieira Brandão com Manuel Bandeira.

Coral Infantil

O canto é uma das formas mais antigas de se fazer música, e sua história está intimamente ligada ao desenvolvimento da sociedade e da cultura. No Guri, o ensino e a prática coral é preceito básico da formação musical, e o Coral Infantil, que reúne crianças de 7 a 12 anos, é o conjunto mais jovem de todo o programa. Nele, acontece um caminho de mão dupla: ao mesmo tempo que a criança aprende que música é interpretação e performance, a performance acolhe a propensão natural da criança pela brincadeira, e transforma a experiência musical um processo ao mesmo tempo aprofundado e lúdico, trabalhando de forma integrada música e expressão corporal. Em seu repertório, o Coral Infantil aprende música e história da música, tendo contato com uma ampla gama de composições, que vão desde peças populares brasileiras da Era do Rádio e da MPB, passando pelo folclore popular a arranjos de compositores clássicos e do contemporâneo. Representativo, o grupo já participou de diversos projetos importantes, como o Especial de Fim de ano da TV Cultura (2012), o CD Cantos Novos, com o Coral Juvenil do Guri (2012), e a interpretação de Carmina Burana, na Sala São Paulo, com a Orquestra Jovem do Estado (2015).

Coral de Familiares

Criado para atender os pais dos alunos durante os ensaios dos Grupos Infantis e Juvenis, o Coral de Familiares é um exemplo da interação entre as esferas artística e social da pedagogia do Guri. Ao acompanhar de perto as atividades dos filhos, participar de seu cotidiano, compartilhar suas aspirações, os pais acabam compreendendo e incentivando a formação das crianças e adolescentes. Esse apoio ajuda a fortalecer não apenas o aluno, mas também os vínculos familiares e sociais dos envolvidos.

Apresentando-se sempre junto do Coral Infantil, o Coral de Familiares interpreta arranjos de canções populares e eruditas, com participação de um pianista ou a capella (sem acompanhamento instrumental).

Repertório

CORAL INFANTIL

Johannes Brahms (1833-1897)
Canções (versão em português, Ana Yara Campos)
Sonntag (Domingo) op.47 n.3
Der Schmied (O ferreiro) op.19 n.4
Wiegenlied (Canção de ninar) op.49 n.4
Mädchenlied (Canção das Meninas) op.107 n.5
Dort in den Weiden (Lá no campo) op.97 n.4
[versão em português, Ana Yara Campos]

Pyotr Ilych Tchaikovsky (1840-1893)
Suíte Quebra-Nozes (letras por Ana Yara Campos)
Marcha
Dança da fada dos doces
Dança russa
Dança árabe
Dança chinesa
Dança dos sopros
Valsa das flores

Hekel Tavares (1896-1969)
Canções (arr. Ana Yara Campos)
Azulão, com Luiz Peixoto
Bia-ta-tá, com Jaime d’Altavitta
Engenho Novo, em “Três Canções Sertanejas”
Você, com Nair Mesquita

Canções de Sítio do Pica-Pau Amarelo (trilha sonora original de 1977)
(arr. Yara Campos;, com exceção de *Christina Brito Bottura)
Sítio do Pica-Pau Amarelo, de Gilberto Gil
Ploquet pluft nhoque (Jaboticaba), de Dori Caymmi e Paulo Cesar Pinheiro
Saci, de Guto Graça Mello
Dona Benta, de Ivan Lins e Vitor Martins
Pedrinho*, de Dori Caymmi e Paulo Cesar Pinheiro
São João Dararão (folclore do Piauí)


CORAL DE FAMILIARES

Milton Nascimento e Fernando Brant
Ponta de areia (arr. Boca Livre)

Gonzaguinha
A felicidade bate à sua porta (arr. André Protasio)

Adoniran Barbosa
Trem das onze (arr. Eduardo Dias Carvalho)

Heitor Villa-Lobos / Ferreira Gullar
O trenzinho do caipira (arr. Ana Yara Campos)

Antonio Ribeiro / Cora Coralina
Trem de gado (estreia)

Milton Nascimento e Fernando Brant
Travessia (arr. Alexandre Zilahi)

José Vieira Brandão / Manuel Bandeira
Trem de Ferro

Geraldo Rocca/Paulo Simões
Trem do pantanal (arr. Iso Fischer)

Tradicional Negro Spiritual
Ev’ry time I fell the spirit (arr. Henry Smith)

Data: 30/11/2019

Horário: 16:00

Local: Unibes Cultural

Endereço: Rua Oscar Freire, 2500, Sumaré, São Paulo/SP
Telefone: (11) 3065-4333

Entrada: Franca