Santa Marcelina Cultura

MENU

NOTÍCIAS

Encerramento da temporada dos Grupos Infantis e Juvenis

29 de outubro de 2015

 Últimas apresentações acontecem em dezembro com a Banda Sinfônica Juvenil e participação no concerto da Orquestra Jovem do Estado

Fim de ano se aproxima e os Grupos Infantis e Juvenis do Guri se preparam para os concertos de encerramento da temporada. Até o mês de outubro, foram realizados 47 concertos, em variados espaços culturais espalhados pela cidade de São Paulo como, por exemplo, MASP, Museu da Casa Brasileira, Pinacoteca do Estado e Biblioteca de São Paulo. 

 

A preparação dos Grupos Infantis e Juvenis para a temporada, iniciada em maio, começa no mês de fevereiro. São cerca de 390 alunos em dez grupos musicais que ensaiam, principalmente, aos sábados, na sede do Guri e no Polo Júlio Prestes. 

Consagrados regentes, como Cláudio Cruz, Mara Campos, Simone Menezes, Mônica Giardini, Érica Hindrikson, Giuliana Frozoni, Ricardo Appezzato, Marcos Sadao Shirakawa, Ana Yara Campos, Santiago Steiner, Gilberto Pinto, Pietro Carlo Corrêa e o francês Thibault Delor, foram escalados para compor o time da temporada, em quatro grandes séries: Guri na Comunidade, Diálogos Culturais, Guri na Praça e Música e Leitura.

 

Para a maestrina Simone Menezes, que regeu a Orquestra Sinfônica Infanto-Juvenil no primeiro semestre, o engajamento dos alunos é admirável. “Houve um dia que, vinte minutos antes do início do ensaio, eles já estavam sentados e afinados, prontos para começar. Isto antes das 9h da manhã! O entusiasmo deles também é contagiante. Esperam por algo, estão sedentos para tocar, fazer música, aprender. Também tive o privilégio de ver uma equipe de educadores sabendo bem qual é a missão, ensinando disciplina, atenção, foco, trabalhando duro em naipes e individualmente. Foi muito bom!”, explica. 

 

Já Thibault Delor, regente convidado da Orquestra de Cordas Infanto-Juvenil deste ano, destaca que generosidade e seriedade são ingredientes essenciais para prática musical. “Meu trabalho é de direção musical, considero os jovens do Guri como alunos de conservatório de música, e trato com a mesma exigência e paciência. O conhecimento que tenho da música e da técnica de instrumentos de cordas me foi transmitido com generosidade e seriedade, tento passar adiante da mesma forma”, comenta. 

 

Em outubro, os três Corais encerraram a temporada de forma brilhante e emocionante, como o Coral Juvenil, que homenageou a regente convidada Mara Campos. Já em novembro, é a vez da Orquestra de Cordas, Camerata de Violões, Regional de Choro e Big Band Infanto-Juvenil concluírem seus trabalhos. 

As últimas apresentações acontecem em dezembro (6/12), com as Bandas Sinfônicas Infanto-Juvenil e Juvenil e a Orquestra Sinfônica Infanto-Juvenil, respectivamente, na Praça Victor Civita, Hebraica e Museu da Casa Brasileira.  Dias 19 e 20, pelo segundo ano consecutivo, os grupos participam dos concertos de encerramento da temporada da Orquestra Jovem do Estado, na Sala São Paulo. 

 

Os Grupos Infantis e Juvenis tem o patrocínio do grupo Verzani & Sandrini, por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura.