Santa Marcelina Cultura

MENU

NOTÍCIAS

Diretor do Conservatório de Paris visita EMESP e Guri Santa Marcelina

12 de abril de 2010

Proposta é ampliar parceria além da que já existe com o Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão

Maurício Cruz, Valéria Zeidan e Serge CyfersteinSerge Cyferstein, Diretor Pedagógico e de Formação ao Ensino do Conservatório de Paris vistou, em março, a Santa Marcelina Cultura para conhecer com mais profundidade como funcionam a Tom Jobim – Escola de Música do Estado de São Paulo (EMESP) e o Guri Santa Marcelina. O principal objetivo dessa visita foi o de construir novas propostas de parcerias entre as duas instituições. Atualmente, a programação pedagógica do Festival Internacional de Campos do Jordão conta com o apoio do Consulado de Paris no intercâmbio de professores e master classes.

Em visita à sede da Tom Jobim EMESP, Luz, Cyferstein  conheceu toda a política pedagógica desenvolvida pela escola e apresentou o funcionamento do sistema de ensino público de música na França, ligado aos conservatórios locais, regionais e nacionais, que atendem cerca de 900 mil alunos.

Também visitou o polo CEU Perus do Guri Santa Marcelina e conheceu como funciona o ensino de música para as cerca de sete mil crianças e adolescentes que frequentam a iniciação musical e a formação sequencial nos 20 polos espalhados pela cidade de São Paulo. Cyferstein asssitiu, também, a uma aula-espetáculo com o grupo Villa das Crianças.

Entre as atividades propostas por Cyferstein na visita, aconteceu um treinamento para as equipes de gestão e coordenação da Tom Jobim EMESP e do Guri Santa Marcelina sobre a construção de equipes no ensino de música. Ele elogiou a política-pedagógica desenvolvida nos dois programas, enfatizando o trabalho de formação continuada. “Tudo está coordenado para atingir objetivos que não são imediatos, mas sim objetivos de longo prazo. Para mim, é muito impressionante ver isso, sobretudo porque esses objetivos são sempre ligados à busca da melhor qualidade artística e pedagógica.”

A visita de Cyferstein aconteceu entre os dias 7 e 12 de março e foi custeada pelo Consulado Geral da França no Brasil, parceiro no Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão.